Por Thamara Gomes Em Notícias Atualizada em 08 ABR 2020 - 11H51

Veja como é a rotina no seminário na quarentena

A fraternidade expressa na vida em comunidade é um dos princípios da vocação à vida consagrada. Nestes tempos difíceis, diante da pandemia do coronavírus e da necessidade de distanciamento social, esta comunhão fraterna em vista de um mesmo ideal se torna ainda mais evidente.

Na Congregação Redentorista – Província de São Paulo, os formandos permanecem nos seminários mesmo sem as aulas externas, que ocupam boa parte do tempo destes jovens. Também não há o trabalho pastoral de forma presencial nas paróquias e comunidades, já que não é possível ter contato com o povo de Deus neste momento. Com isso, a rotina das casas de formação sofreu alterações neste período.

José Augusto Lima
José Augusto Lima
Celebração do Domingo de Ramos na capela interna do seminário.


No Seminário São Clemente, em Campinas (SP), que acolhe os estudantes para a etapa da filosofia, os jovens têm tido aulas online e há mudança também na rotina de arrumação da casa. Com a dispensa dos funcionários, os próprios formandos têm ido para a cozinha fazer as refeições. Segundo o Padre João Paulo de Oliveira, diretor do seminário, há também uma preocupação e um cuidado maior com a higienização da casa.

Leia MaisNão há vocação sem cruz10 dicas para aproveitar melhor o tempo em casaQuatro palavras do Papa Francisco para viver a vocação “Estamos procurando bastante formação nesse sentido. A gente montou uma escala e duas vezes ao dia fazemos esse processo de higienização, principalmente nos corrimãos da casa, nas maçanetas das portas e nas cadeiras. Os rapazes abraçaram isso têm buscado informação e percebido que é importante essa atenção”, afirma o Missionário Redentorista.

Este também tem sido um tempo de muita oração e reflexão. No Seminário São Clemente, os jovens foram além e não deixaram o trabalho pastoral de lado. Todo dia, às 15h, eles rezam o terço ao vivo para a Paróquia Santo Afonso, via Facebook. A missa das 19h também é transmitida pela rede social. Tudo isso organizado e coordenado pelos próprios formandos.

A esperança é que, seguindo todas as orientações das autoridades de saúde, estes jovens possam voltar à rotina normal o mais breve possível.

Confira a entrevista completa do Padre João Paulo para a TV Aparecida.

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Thamara Gomes, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.