Por Pe. José Grzywacz, C.Ss.R. Em Artigos Atualizada em 26 JUN 2020 - 09H39

O Magnificat e o Ícone do Perpétuo Socorro

Thiago Leon
Thiago Leon


“A centralidade do Filho e a importância da Mãe”: Meditações comparativas entre o Magnificat de Maria e o ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

(I) Comparação geral

O Magnificat e o ícone do Perpétuo Socorro

1. O Magnificat é chamado de perfume do Evangelho, prelúdio das Bem Aventuranças, modelo de catequese, exemplo da oração, resumo das Sagrada Escritura, cântico revolucionário, o hino de Maria, cântico da Virgem de Nazaré, o salmo novo, o poema de Maria, o cântico profético, o cântico sagrado. O ícone do Perpétuo Socorro é chamado de venerável, sacrossanto, venerado, sagrado, dourado, belo, ícone do amor, ícone da Redenção, ícone do Magnificat, o resumo da Mariologia.

Leia MaisA riqueza simbólica do Ícone de N. S. Perpétuo SocorroO ícone é o Evangelho pintado,
O ícone é uma teologia visual,
O ícone “respira” oração,
O ícone é uma sarça ardente.

2. O trecho bíblico mariano mais longo e mais conhecido é o Magnificat - o cântico de Maria. A invocação e o quadro (ícone) mariano mais conhecido do mundo é o de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

3. O Magnificat é um mosaico feito de retalhos das citações bíblicas. É um modelo de oração cristã e de catequese. O ícone do Perpétuo Socorro é uma pintura oriental feita de cores, gestos, letras e símbolos cheios de significado tornando-se uma catequese da redenção e o resumo de Mariologia. O ícone é uma representação de um mistério, e uma forma pedagógica, uma pregação, não por palavras, mas pelo uso da imagem.

4. O Magnificat é um exemplo da relação adequada da criatura para com o Criador. A Bem-Aventurada, a serva do Senhor reconhece as grandes coisas que o Senhor fez. O ícone do Perpétuo Socorro é uma síntese dos maiores mistérios da fé: a Encarnação; a Redenção e a Ressurreição. A relação entre o filho, a Mãe e os arcanjos.

5. No centro do Magnificat não está Maria, mas Deus Todo poderoso, o Salvador. No centro do ícone do Perpétuo Socorro não está Maria, mas Jesus, o nosso perpétuo Socorro, o Redentor. Maria contempla tudo com o olhar divino.

6. No Magnificat, Maria canta as maravilhas de Deus, enche-se de júbilo e louvor. No belo ícone do Perpétuo Socorro, vemos Maria em silêncio, seus lábios estão cerrados.

7. No Magnificat, Maria é obediente à voz do arcanjo: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!” No ícone, Maria nos fala, mas por meio de sinais evidentes e bem expressivos e nos entrega o seu Filho.

Leia MaisO quê o Magnificat pode nos revelar sobre Maria?Nós devemos passar:
da "mariologia doutrinal” para a “mariologia do coração”
e para a “mariologia da ação e da missão”.

Thiago Leon.
Thiago Leon.


(II) Comparação parte por parte

1. “Minha alma engrandece o Senhor, e meu espírito exulta em Deus, meu Salvador” (Lc 1, 46-47). Frente ao insondável mistério da sua maternidade divina, Maria prorrompe num canto de alegria e de vitória, de esperança e de amor, de gratidão e de reconhecimento. A alegria envolve todo o ícone de NSPS. Este é o significado do dourado que envolve a imagem da Virgem e do seu Divino Filho. Maria traz em seu seio o Céu, o Messias, o Esperado de Israel, aquele que é a luz e a esperança das nações, o Amado, o Esposo da Humanidade, eis o motivo de sua alegria, e ela é infinita.

2. “Deus olhou para a humilhação de sua serva”, e fez de Maria a Mãe do Salvador (Lc 1,48). A serva do Senhor, agora na Glória, olha e acompanha a todos que a olham. O gesto de tirar as sandálias é a expressão da humildade.

3. “Doravante as gerações todas me chamarão de bem-aventurada” (Lc 1, 48). A profecia de Maria como o fundamento do culto mariano. O ícone do Perpétuo Socorro obedece à profecia do Magnificat apresenta as maravilhas feitas por Deus na vida da jovem virgem de Nazaré. O culto mariano presente durante os séculos: especialmente através da Novena Perpétua.

Leia MaisPerpétuo Socorro, de nossa perpétua miséria

4. “O Todo-poderoso fez grandes coisas em meu favor. Seu nome é santo e sua misericórdia perdura de geração em geração para aqueles que o temem” (Lc 1, 49-50). Jesus, Deus salva (este é o significado do seu nome) o seu povo, “socorre Israel, seu servo, lembrado de sua misericórdia”.

A misericórdia de Deus que é simbolizada no ícone por meio dos sinais da Paixão apresentados pelos arcanjos Miguel e Gabriel ao Menino-Deus, posicionados à esquerda e à direita do quadro, respectivamente. Por meio do seu sofrimento redentor, Jesus manifesta a misericórdia divina cantada por Maria no seu hino profético.

5. “Demostrou o poder de seu braço, dispersou os homens de coração orgulhoso” (Lc 1, 51). No ícone, vemos Maria segurar a mão direita do Menino Jesus. Na Bíblia, a destra de Deus manifesta o seu poder e a sua justiça. Ao sustentar a mão direita de Deus, Maria apresenta-se como a Mãe da Misericórdia, a Medianeira de todas as graças, a serva humilde que é capaz de interceder por todos os homens. “Derrubou os poderosos de seus tronos, e a humildes exaltou. Cumulou de bens a famintos e despediu ricos de mãos vazias” (Lc 1, 52-53). No ícone, vemos ambas as mãos de Jesus apoiadas nas mãos de Maria, manifestando confiança total em sua Mãe. Também as mãos de Maria estão ocupadas em amparar seu Divino Filho. No ícone de NSPS, vemos Maria cumulada de todos os bens porque em suas mãos traz Aquele que é o Sumo Bem.

6. "Socorreu a Israel seu servidor como prometera a Abraão e seus filhos para sempre". (Lc 1, 54-55). É o cântico dos séculos. Deus Pai com o coração de mãe cumpre as suas promessas. O Proto-evangelho - Gn 3,15 - se cumpre Naquele que é o mesmo: ontem, hoje e será para sempre. Deus é Pai das misericórdias e rico em misericórdia. Maria imita a misericórdia do Pai.

* Esse texto faz parte do livro “Magnificat: o cântico revolucionário de Maria, a mãe de Jesus” a ser editado pela editora Paulus. Mais em www.mariologiapopular.blogspot.com

Fonte: Província Redentorista de Varsóvia (Polônia)

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. José Grzywacz, C.Ss.R., em Artigos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.