Por Academia Marial Em Artigos Atualizada em 24 JUN 2020 - 14H25

Olhar perpétuo


Thiago Leon
Thiago Leon


Há séculos o olhar perpétuo da Bem-aventurada Virgem do Perpétuo Socorro fixa-se de modo penetrante no olhar de tantos fiéis que diante dela se detêm. No próximo dia 27 de junho celebraremos a memória litúrgica de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, um dos mais antigos ícones da Igreja, uma representação que é um verdadeiro poema escrito em cores vibrantes, uma autêntica aula de teologia, por sua expressividade e conteúdo.

O que talvez mais chame a atenção neste ícone seja o olhar penetrante da Virgem, olhos grandes, fixos e penetrantes. Trata-se de um olhar materno e compassivo, olhar que percebe o momento presente e as aflições que permeiam o coração humano, ela parece olhar nossa alma e capitar as emoções e sentimentos que nos angustiam. A intercessão materna de Maria permite que ela seja nosso perpétuo socorro em nossas perpétuas misérias, ensina-nos uma antiga oração mariana da Igreja: “A vossa proteção recorremos Santa Mãe de Deus”. Estar sob a proteção de Maria é estar diante de seu terno olhar, sempre a vista desta mãe que é incapaz de abandonar um único filho. Nós seus filhos em ti buscamos forças para caminhar, todo fiel apaixona-se por seus olhos, pois veem neles o olhar de mãe. No ícone, os olhos em comparação com a boca são significativamente maiores, isso para ensinar-nos que seu silêncio não é de forma alguma indiferença, antes um testemunho de como devemos olhar para Deus, mais do que falar, trocar confiantes olhares. Leia MaisSanta Teresinha do Menino Jesus escreveu poema à Mãe do Perpétuo SocorroO Magnificat e o Ícone do Perpétuo SocorroNovena para pedir a intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Nas horas difíceis da vida, um é nosso único desejo, sermos acolhidos em seu colo e ver-nos protegidos dos males que nos assolam, como o Menino. Em ti encontramos coragem, sob sua proteção vencemos todos os males e uma confiança indizível invade nosso ser, pois seu olhar perpétuo nos consola, hoje e sempre. Nós temos um único desejo, que Maria não tire os olhos de nós, não nos prive de seu olhar, que ela vinde em nosso auxílio com sua materna intercessão e em seu colo conduza-nos a presença de seu filho Jesus, razão de nosso viver, nosso Socorro perene. Para encerrar resta-nos uma prece: Ó Maria, perpétuo socorro das nossas perpétuas misérias, seu olhar a nós volvei.

Irmão André Luiz Oliveira – CSSR

Mariólogo e associado da Academia Marial

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Academia Marial, em Artigos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.